"Esvaziou-se a si mesmo..." (Flp 2,7)

Monday, 20 August 2018

  • Slide image one
  • Slide image two
  • Slide image three
RCC
Orando com a Palavra no Grupo de Oração PDF Imprimir E-mail

oracaobibliaOs Grupos de Oração da Renovação Carismática Católica têm se tornado muito mais que um agrupamento de pessoas, e sim um local de encontro pessoal com Cristo, e de vivência da graça do Batismo no Espírito Santo. Um Grupo de Oração verdadeiramente dócil ao Espírito Santo deve cultivar um profundo amor à Palavra de Deus.

A Bíblia não deve ser utilizada somente no momento da pregação, devemos incentivar os participantes de nossos grupos a orar com a Palavra, pois ela irriga nossa vida espiritual. Sem a Palavra nossa espiritualidade fica estéril e na maioria das vezes sem frutos.

A segunda carta de São Paulo a Timóteo, no capitulo 3, 16-17 nos diz: “Toda a Escritura é inspirada por Deus, e útil para ensinar, para repreender, para corrigir e para formar na justiça. Por ela, o homem de Deus se torna perfeito, e capacitado para toda boa obra”.

 
O Dom da Cura no Grupo de Oração PDF Imprimir E-mail

Dom CuraUm Grupo de Oração que se reúne semanalmente para encontrar com Deus, lhe prestar culto de louvor e ação de graças, certamente será visitado pelo Senhor da vida.

As curas que ocorrem durante as reuniões de oração geralmente acontecem como resultado da perseverança de seus membros na vida carismática. É a partir da fé e da fidelidade à vida de oração, leitura da Palavra e frequência às reuniões de oração que começa a se destacar em cada um a manifestação do Espírito para proveito comum (I Cor. 12, 7), e nesta manifestação do Espírito alguns recebem o dom de orar por cura.

Com o passar do tempo, os participantes do Grupo de Oração vão percebendo e até mesmo reconhecendo que determinado irmão ou irmã tem o dom de orar pelos enfermos, o que na maioria dos casos leva, segundo o que temos visto, de quatro a sete anos de caminhada.

Mas o importante é ter em mente que o dom pertence ao seu doador, ou seja, ao Espírito Santo, e que este, de maneira especial tem derramado seus dons nas reuniões de oração e chamado alguns a este ministério.

As curas podem ocorrer a qualquer momento em uma reunião de oração carismática, desde seu início, até o final, pois Deus age como quer, quando quer e na hora em que quiser. Às vezes, ocorrem curas sem que ninguém as peça, em um momento de louvor, por exemplo. Não são poucos os testemunhos de irmãos curados durante a reunião, sem que haja uma oração direta de algum servo para o restabelecimento de sua saúde.

 
O Dom da Profecia PDF Imprimir E-mail

ProfeciaPor Robert Canton

Em I Coríntios 12, 4-11, São Paulo escreve “Há diversidade de dons, mas um Só Espírito. Os ministérios são diversos, mas um só é o Senhor. Há também diversas operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos. A cada um é dada a manifestação do Espírito para proveito comum. A um é dada pelo Espírito uma palavra de sabedoria;  a outro, uma palavra de ciência, por esse mesmo Espírito; a outro, a fé, pelo mesmo Espírito; a outro, a graça de curar as doenças, no mesmo Espírito; a outro, o dom de milagres; a outro, a profecia; a outro, o discernimento dos espíritos; a outro, a variedade de línguas; a outro, por fim, a interpretação das línguas. Mas um e o mesmo Espírito distribui todos esses dons, repartindo a cada um como lhe apraz”.

Propósito dos Dons Espirituais
Estes dons, descritos por muitos como “Carismas ou Dons Carismáticos”, são dados pelo Espírito Santo para as pessoas para colocá-los a serviço, ou para edificar e construir, encorajar e confortar o corpo de Cristo (ver I Cor 14, 3-5). A palavra “dom” em Grego é “charismata”, significando “favor dado livremente para quem o Senhor escolher”. Não é algo que aquele que recebe mereceu. No Catecismo da Igreja Católica, Seção 799, a Igreja afirma: “Sejam extraordinários, sejam simples e humildes, os carismas são graças do Espírito Santo que, direta ou indiretamente, têm uma utilidade eclesial, ordenados que são à edificação da Igreja, ao bem dos homens e às necessidades do mundo”. Os dons do Espírito manifestam a presença e poder de Deus em nosso meio. Jesus disse em Atos 1, 8: “ Mas descerá sobre vós o Espírito Santo e vos dará força; e sereis minhas testemunhas em Jerusalém, em toda a Judéia e Samaria e até os confins do mundo”. A palavra Grega para este tipo de poder é “dunamis”, que significa “dinamite”. O poder de Deus é certamente mais potente que todos os poderes deste mundo combinados, porque o poder de Deus é sobrenatural e inigualável em sua natureza. Quando o Senhor libera o Seu poder, é sempre para realizar Seu propósito e para estabelecer Seu Reino. Acredito que o Espírito Santo está procurando pessoas com quem Ele possa contar para levar adiante o Reino de Deus e alcançar seu objetivo, para Sua honra e glória.

 
Repouso no Espírito e Renovação Carismática PDF Imprimir E-mail

repousoespirito

Na Renovação Carismática, encontram-se várias manifestações do poder do Espírito Santo, que de início espantaram grandemente, mas que são agora mais facilmente admitidas como autênticas; é assim com o dom das línguas, das curas, a Efusão do Espírito, a imposição das mãos.

Mas há um fenômeno sobrenatural menos conhecido, que se torna cada vez mais frequente na Renovação Carismática: é o repouso no Espírito. Depois de um estudo atento sobressai, sem equívoco possível, que esta experiência encontra o seu fundamento na teologia.

Com efeito, o repouso no Espírito reveste-se das características do arrebatamento (que é uma espécie de êxtase) salvo na sua causa imediata, que é o pedido feito a Deus, numa oração apropriada.

Convém lembrar que se encontra uma situação semelhante no Batismo do Espírito. Com efeito, este favor espiritual era normalmente concedido àqueles que faziam progressos notáveis na vida espiritual, enquanto que agora é recebido até pelos pecadores, por vezes de um modo instantâneo, na sequência de uma oração feita por outros para esse fim. É assim, também, para o repouso no Espírito. Outrora, apenas se encontrava (pelo menos na maior parte das vezes) nas pessoas avançadas na vida espiritual; pelo contrário, nos nossos dias, a oração ao Espírito Santo obtém-no até para os pecadores.

 
Não extingais o Espírito PDF Imprimir E-mail

naoextingaisA Igreja ficou ornada de jovialidade, beleza e força, desde que a partir do Concílio Vaticano II ela se deixou tomar por renovada expectativa quanto aos carismas. Hoje, diferentemente de tempos passados, em qualquer paróquia, em qualquer pequena comunidade, em qualquer porção da Igreja a que se vá, encontramos grande quantidade de leigos atuando em diversos ministérios e serviços, e já nem conseguimos mais imaginar situação diferente dessa em nosso tempo. Também muitas formas diferentes de se viver a fé cristã, com múltiplas espiritualidades e formas de expressão, se espalham por toda a parte. Tudo isso são sinais de que estamos reencontrando os rastros de pentecostes com toda a sua explosão de força e grandeza.

A obra da Igreja se faz no mundo com o poder de Deus e com as potências humanas. Assim como numa balança, os dois pratos devem estar equilibrados. Não podemos pensar numa Igreja em que a parte sobrenatural se sobressaia a ponto de que sua porção natural seja ofuscada. Esperamos que na consumação dos tempos, a face de Deus venha a luzir sobre todos, com um brilho mais radiante do que o sol, mas não se pode esperar que seja assim agora.

 
<< Início < Anterior 1 2 3 Próximo > Fim >>

Página 1 de 3